sábado, 2 de outubro de 2010

Turn- und Sportverein Bayer 04 Leverkusen e. V.

O TSV Bayer 04 Leverkusen e.V foi criado após uma iniciativa de trabalhadores alemães, que pediram ao seu chefe para criar um clube esportivo com o intuito de ajudar financeiramente o lugar para o qual trabalhavam. A idéia foi aceita e o então presidente da empresa, Friedrich Bayer, em 1904, resolveu criar a agremiação.
A companhia fundadora foi a Bayer Company, hoje umas das mais importantes do mundo no setor de medicamentos. O time de futebol ganhou forma apenas em 1907, mas foi em 1928 que a entidade se desligou do antigo centro esportivo e fundou o clube Sportvereinigung Bayer 04 Leverkusen, que englobava futebol, handebol e atletismo, excluindo os ginastas, já que na época havia uma rixa entre eles e os praticantes de outros esportes.
Os jogadores mantiveram as cores tradicionais do time, o vermelho e preto, e os ginastas adotaram o azul e amarelo. Em 1936, a entidade já disputava a segunda divisão do Campeonato Alemão e, neste mesmo ano, a empresa que fundou o clube trocava de mãos, não pertencendo mais à família Bayer.
Em 1951, o Bayer Leverkusen ascendeu à primeira divisão de futebol da Alemanha, disputando a Oberliga ocidental até a temporada de 1956, quando foi rebaixado para segunda divisão.
Evolução dos Escudos
Até a criação da Bundesliga – como é chamado o Campeonato Alemão -, na temporada 1962/63, o clube não havia conseguido retornar à elite do futebol alemão. Em 1968, o Bayer ganhou o título da segunda divisão, mas foi eliminado nos playoffs de aceso à elite. Em 1973, o time foi novamente rebaixado, mas desta vez para a terceira divisão, retornando no ano seguinte para a segunda divisão.

O time disputou pela primeira vez o Campeonato Alemão apenas na temporada 1979/80 e, na metade dos anos 1980, conseguiu estabilizar-se na elite do futebol profissional alemão. O primeiro título do clube veio em 1988, quando o time conquistou a Copa da UEFA, após vencer o Espanyol nos pênaltis por 3 a 2, depois de dois resultados por 3 a 0 – um para cada time.
No mesmo ano, o executivo Reiner Calmund assumiu a gerência da equipe e não hesitou em contratar jogadores renomados da Alemanha Ocidental, como Ulf Kirsten, Andreas Thom e Jens Melzig, que se tornaram ídolos da torcida. O mandatário do clube também investiu na contratação de atletas brasileiros, como Jorginho e Paulo Sérgio. Foram contratados também símbolos do clube como Bernd Schuster e Rudi Völler, que ajudaram o time a aumentar sua reputação no país e no cenário internacional, ganhando com isso mais torcedores.
Na temporada 1993/94, o Bayer ganhou seu segundo e último título, a Copa da Alemanha, após vencer por 1 a 0 o Hertha Berlim. Nos anos seguintes o clube viveu uma de suas piores fases ao ser rebaixado novamente em 1996. Quando o técnico Christoph Daum assumiu o comando da equipe, o clube voltou à primeira divisão da Bundesliga e contratou jovens revelações do futebol como os brasileiros Lúcio, Émerson, Zé Roberto e Juan e o alemão Michael Ballack. Depois desse período negro da história do Bayern, o time voltou a jogar um bom futebol, chegando ao vice-campeonato alemão em quatro ocasiões (1997/98, 1999/00, 2000/01 e 2002/03) e a final da Liga dos Campeões de 2002, quando perdeu para os espanhóis do Real Madrid por 2 a 1.
Além de sua melhor participação no maior campeonato internacional europeu, os alemães entraram para a história como a primeira equipe a chegar a final desta competição sem ganhar um título nacional antes.
Na temporada 2002/03 o clube perdeu peças importantes como Zé Roberto e Ballack para o rival Bayern de Munique e nas temporadas seguintes ficou perto mais uma vez do rebaixamento, mas o fato não se consumou.

Títulos

Copa da UEFA 1988
Copa da Alemanha 1993


Estádio

O BayArena é um estádio localizado na cidade de Leverkusen, na Alemanha. É a casa do time de futebolBayer Leverkusen, da Bundesliga.
Inaugurado em 1958 como Ulrich-Haberland-Stadion, um dos gerentes da companhia química-farmacêutica Bayer, que fundou o clube. Originalmente tinha capacidade para 20.000 torcedores.
Em 1986 começou o processo de renovação do estádio, que só foi concluido em 1997, com a ampliação da capacidade para 22.500 lugares. O estádio passou a se chamar BayArena em 1998.
A cidade de Leverkusen se candidatou a ser uma das sedes da Copa do Mundo de 2006, mas devido a obrigação de estádios com, no mínimo, 40.000 lugares, não se tornou viável.

Hino

Verso 1
Du bist das Leben,
das unsren Tag bestimmt.
Du bist das Spiel,
das jeden Samstag neu beginnt.
Wir sind Dir treu,
Du stehst niemals allein.
Leverkusen - so wird es immer sein.

Verso 2
Du bist der beste Verein
auf dieser Welt.
Du machst uns glücklich,
weil Du spielst, wie’s uns gefällt.
Wir geben alles für Dich
und unsern Sieg.
Leverkusen – mach’ Dich auf
und flieg’.

Refrão 1
Bayer, Bayer 04 – siegen werden wir auch hier.
Wir sind der zwölfte Mann
und steh’n zu Dir.
Das Herz der Löwen schlägt für Dich,
Bayer 04.

Verso 3
In ganz Europa
haben wir uns vorgestellt.
Unser Bayer kämpft gegen den Rest der ganzen Welt.
Wir siegen, weil wir zusammenstehen.
Leverkusen – gemeinsam
wird es gehen.

Verso 4
Wir stehen zum Trainer,
zur Mannschaft und zum Team.
Zu den Spielern,
die einfach nur nach vorne ziehen.
Schwarzrote Löwen,
das werden wir immer sein.
Leverkusen – die einz’ge Macht
am Rhein.

Refrão 2
Bayer, Bayer 04 – siegen werden wir mit Dir.
Wir sind der zwölfte Mann
und steh’n zu Dir.
Das Herz der Löwen schlägt für Dich,
Bayer 04.


Mascote
O principal apelido do Bayer Leverkusen é Löwen (leão, em alemão). Por conta disso, a mascote do clube não poderia ser outra. Com o nome de Brian e amarelo, o animal veste o uniforme do time e representa força e poder, características que significam domínio. O símbolo, quando escolhido, foi muito bem recebido pelos torcedores, principalmente pelas crianças, que são alvo de diversas promoções da equipe.

Apelido: Esquadrão da Fábrica, Löwen (leão).Neverkusen ; Werkself

Site
http://www.bayer04.de/