sábado, 31 de julho de 2010

Unión Deportiva Las Palmas

UD Las Palmas foi fundado em 22 de agosto de 1949 através da fusão cinco equipes locais: Club Deportivo Gran Canaria, Club Atlético de Madri, Real Club Victoria, o Club Arenas e do FC Marinhas

Em outubro de 1949, com uma seleção dos melhores jogadores dos clubes fundadores, começou a participar em competições oficiais. Em apenas dois anos conseguiu subir a primeira divisão. No entanto, após sua estréia na temporada 1951-1952, ele voltou para a segunda. Depois de duas novas campanhas na segunda subiu para trás, abrindo um período de seis temporadas na primeira divisão. A campanha de 1959-60 terminou com uma queda ainda maior.
Após o terceiro aumento, obtido na temporada 1964-1965, começa o período de maior sucesso do clube: 19 anos ininterruptos na primeira divisão, com realizações notáveis como uma liga runner-up (1969) e uma Copa (1978) ou 1968 o terceiro lugar, o tempo que tem estado mais próximo de conquistar o título do campeonato: apenas quatro pontos o separavam do primeiro lugar na classificação final.
É importante notar também a estréia da equipe nas competições europeias, em primeiro lugar Fairs Cup em 1969 e, posteriormente, na Taça UEFA em 1972/73 e 1977/78 temporadas. Além disso, seis jogadores participaram da equipe amarela, com o espanhol nas duas últimas décadas: Tonono, João Guedes, castelhano, Herman e Philip Martin Marrero.
Em 1983, após várias temporadas muito ruins, foi consumado o rebaixamento para a Segunda Divisão, apesar de apenas dois anos mais tarde retornou à Primeira. A nova redução em 1988 começou um período muito infeliz, levando o clube para baixo em 1992 para a Segunda Divisão B, o que provocou o medo de sua existência. A conversão em sociedades desportivas e da entrada de capitais privados salvou a situação, retornando para a divisão de prata em 1996 e Primeira em 2000 .
Seu último ano na primeira divisão, que tem desempenhado um total de 31 estações, foi de 2002. Na sequência desta campanha, com uma enorme dívida, houve uma grave crise institucional , levando a uma queda ainda maior para a Segunda Divisão B na época 2003/04. Pela segunda vez o clube estava prestes a desaparecer. Isto levou a intervenção judicial , patrocinado pela Lei de Falências, que, liderada pelo juiz Juan José Cobo Plana, permitiu reorientar a situação favorável.
Na temporada 2005-06, o clube conseguiu a promoção para a segunda divisão, e também vá para a salvação econômica através de um empréstimo da Caja Mediterráneo que permite o pagamento aos credores .
Por outro lado, apesar das sucessivas crises, a pedreira tem equipe grancanario desde meados da década passada os gostos de Valeron, Manuel Pablo, Guayre, Jorge e Angel, entre outros, que lavaram acima em relação a outros clubes espanhóis de maior força econômica e esportiva.

Estadio

Estadio de Gran Canaria
Las Palmas de Gran Canaria, España
Capacidade 32.665

Títulos

Segunda División de España (4): 1953-54, 1963-64, 1984-85, 1999-00

Segunda División B de España (2): 1992-93, 1995-96

Hino

¡RA, RA, RA,...!
Nuestro equipo vencerá.

Es la Unión Deportiva Las Palmas
nuestro equipo señero sin par
con su juego brioso y brillante
vencerá, vencerá, vencerá.

Es orgullo del pueblo canario
la victoria del once gritar
celebrando sus triunfos seguros
con el ¡RA, RA, RA, RA, RA!

Siempre avante la vanguardia
la defensa una muralla
donde se estrella el contrario.

Nuestro equipo noble y fuerte
con coraje, vista y suerte
pulveriza al adversario.

La afición te sigue atenta
con cariño siempre alienta
el final de la porfía
esperando confiada
esperando confiada
la victoria más rotunda
un dia tras otro dia

¡RA, RA, RA ...!
¡NUESTRO EQUIPO VENCERA!


Site
http://www.udlaspalmas.es/