segunda-feira, 22 de junho de 2009

Centro de Futebol Zico de Brasília

A desorganização e os desmandos políticos do futebol carioca observados por Zico desde a criação do CFZ do Rio, em 1996, impediram o clube de chegar ao objetivo maior que é a elite do Rio. Determinado como nos tempos de jogador, o Galinho buscou uma alternativa para que seu time pudesse se desenvolver. A melhor delas foi transferir a equipe para o Distrito Federal, onde havia uma bem-sucedida franquia do Centro de Futebol e um campeonato organizado. Lá, o Azul e Branco encontrou boas condições e um parceiro para a empreitada. No dia 1º de agosto de 1999 nasceu a filial brasiliense do CFZ, em sociedade com a empresa HPMA . O clube de Zico passou a competir no Rio e em Brasília, muitas vezes usando o mesmo time e comissão técnica. O CFZ de Brasília iniciou suas atividades com equipes formadas nas categorias de juniores e profissionais, e vários jogadores da sede carioca. No ano seguinte, montou um time feminino que chegou ao tetra (2000, 2001, 2002 e 2003). Sem obstáculos políticos, o profissional masculino chegou rapidamente à Primeira Divisão e, em 2002, atingiu o ponto máximo em Brasília ao conquistar o título do Distrito Federal com uma campanha invicta: 19 vitórias e 7 empates. A conquista valeu uma vaga na Copa do Brasil 2003 e garantiu a classificação para a Série C. Na Terceirona, o time comandado por Reinaldo Gueldine foi até a quarta fase, quando acabou eliminado no mata-mata. No ano seguinte disputou novamente as duas competições nacionais.

Em 2006, o clube fez parcerias que não foram positivas e o resultado acabou sendo um duplo rebaixamento, colocando CFZ de Brasília na Terceira Divisão do Distrito Federal. Quando imaginavam que o Azul e Branco fecharia as portas, o clube renasceu em 6 de junho de 2008.

Em 2008, o time profissional se qualificou para disputar a 2ª divisão do Campeonato Brasiliense 2009 no segundo semestre do ano, que começou muito bem com a conquista do campeonato matogrossense de juniores (sub18) numa parceria vitoriosa com o Sorriso E. C., com uma campanha 100%.

De volta à Brasília, a equipe de juniores se renova e se prepara para disputar o campeonato brasiliense da categoria.

Títulos

Campeonato Brasiliense: 2002.

Site
http://www.otimedozico.com.br