sábado, 8 de janeiro de 2011

Club Atlético Chacarita Juniors

Uma história que nasceu na Villa Crespe, no bairro de San Martin em Buenos Aires. Esse foi o local em que no dia 1º de maio de 1906 nasceu o Club Atlético Chacarita Juniors. O time ganhou projeção nacional, chegando ao ápice ao se sagrar campeão do Torneio Metropolitano em 1969.
Em 1971, o time conquistou o vice-campeonato da Copa Juan Gamper. Há a impressão de ser um feito menor, mas deve-se levar conta que o Chacarita derrotou o Bayern de Munique nas semifinais.
O time construiu seu estádio no coração da Villa Crespe. Na partida inaugural contra o Nacional de Montevidéu, o time da casa derrotou o adversário por 3 a 0. O jogo foi no dia 19 de fevereiro de 1919 e teve um público total de 25 mil pessoas.
O Tricolor, como o clube é conhecido, fez seus primeiros jogos em um terreno baldio, localizado perto de um cemitério municipal. O local foi cercado, mas logo o clube precisou deixar o lugar. A polícia mandou desfazer o cercado construído e encerrou as atividades da equipe por ali.


Os tricolores são tricampeões da série B da Argentina (o time conquistou o título em 1941, 1959 e 1993). Entre o final das décadas de 60 e começo da de 70, o Chacarita chegou a incomodar os grandes do futebol argentino.


A história do maior título do Chacaritas começou a ser escrita em 1967, quando o clube quase foi rebaixado para a série B. A salvação veio no jogo contra o Atlante, quando a vitória manteve o Tricolor na primeira divisão.
Percebeu-se então, a necessidade de uma reformulação completa na equipe, a começar por cobrir o enorme rombo nos cofres do clube. A preparação física também mereceu uma atenção especial. Os jogadores passaram a se dedicar mais aos treinos, o que resultou num bom condicionamento.
Além disso, o esquema tático foi totalmente adaptado ao nível técnico da equipe. A defesa foi priorizada: os zagueiros começaram a praticar a linha de impedimento, que funcionou muito bem na campanha do título de 1969.
Os jogos mais marcantes foram a dramática vitória frente o Racing por 1 a 0 e a decisão contra o temido River Plate. Um dos jogadores que mais se destacou na campanha foi o capitão e zagueiro Marcos, um verdadeiro paredão para os atacantes adversários.


A campanha na Copa Juan Gamper em 1971 pode ser classificada como normal para muitos clubes da Europa e mesmo para os grandes clubes da Argentina. Mas para o Chacarita Juniors, o vice campeonato foi histórico.
Essa Copa foi realizada em Barcelona, como forma de preparação de algumas equipes para a temporada que estava para começar.  Os jogos eram eliminatórios e, logo na estréia, o Tricolor enfrentou o poderoso Bayern de Munique.
O time alemão era considerado o favorito, mas dentro de campo a história foi diferente. Com gols de Recupero e Fucceneco, o Chacarita venceu por 2 a 0 e se credenciou a enfrentar o Barcelona na grande final. Era a primeira vez na qual uma equipe argentina venceu o Bayern de Munique.
Na final, uma derrota por 1 a 0 frente ao Barcelona, numa partida que alguns julgam que o Chacarita foi superior. Talvez, mas o que vale para a fanática torcida foi o fato de ver seu time enfrentar dois gigantes do futebol europeu.

Na temporada 2008-2009, o clube conquistou o ascesso a Elite do futebol argentino, mas com fracos resultados a equipe retornou a Primera B Nacional em 2010.
 
É chamado de los  funebreros em virtude da sede do clube ficar localizada nas proximidades de um cemitério.

Títulos

Primera División Argentina  1969 Metropolitano
Segunda División Argentina 1941, 1959
Tercera División Argentina 1993/94
 
Estádio
  
Estadio Chacarita de Villa Maipu
Capacidade 41.244 (aprox. espectadores em pé) 20.844 (aprox. espectadores sentados)
 

Site
http://chacaritajuniors.org.ar/