segunda-feira, 6 de julho de 2009

Esporte Clube Ipitanga da Bahia Ltda.

Fundado no dia 20 de Setembro de 2003, na cidade de Lauro de Freitas, o Esporte Clube Ipitanga Bahia foi um projeto idealizado pelo empresário alemão Martin Winner (hoje presidente do clube), juntamente com Renato Braz (Diretor de Futebol) e o ex-jogador Paulo Sérgio (tetracampeão com a Seleção Brasileira).

O Ipitanga leva o nome de um bairro da cidade de Lauro de Freitas, tem a cor laranja (inspirada na seleção da Holanda) como a sua cor principal. É o caçula do futebol da Bahia, tendo em sua curta trajetória campanhas memoráveis no cenário futebolístico baiano. O primeiro jogo do Ipitanga foi um amistoso com o Bahia, em 2003, onde venceu o tricolor por 1 a 0. A partir daí, o clube passou a traçar uma trajetória vencedora e meteórica.

Em 2004, disputou a segunda divisão do Campeonato Baiano, buscando a única vaga disponível ao acesso à elite do futebol do Estado. O início não foi muito agradável, pois o Ipitanga perdeu um e empatou dois jogos, nos seus três primeiros confrontos oficiais. Porém, o time se recuperou e deu uma arrancada espetacular rumo ao título. E na final, frente ao Guanambi, empatrou fora de casa e venceu o jogo de mandante, conquistando o direito de disputar a primeira divisão do Campeonato Baiano, com menos de 2 anos de existência.

Na elite estadual de 2005, enfrentou os grandes clubes, como o Vitória e o Bahia, chegando até as semifinais do torneio, quando caiu diante do Rubro-Negro. Na melhor de dois jogos, empatou o duelo como mandante e perdeu por 2 a 1 como visitante.

Nesta competição, o Tucano, como também é conhecido o Ipitanga, aprontou surpresas, como a vitória sobre o Bahia no Estádio Luiz Eduardo Magalhães.

O terceiro lugar na competição permitiu que o time disputasse a Série C do Brasileiro em 2005, na qual chegou à 36ª colocação na competição. Em 2006, ficou perto novamente de participar da decisão, mas foi eliminado nas semifinais do primeiro e do segundo turno, respectivamente pelo Vitória e pelo Colo-Colo.

O estádio do time desde 2005 é o Luiz Eduardo Magalhães, localizado no município de Terra Nova. O antigo palco onde o Ipitanga iniciou suas primeiras disputas, o estádio Municipal de Lauro Freias, foi abandonado pelo clube, pois a prefeitura não dava o incentivo que os dirigentes pretendiam.

Estádio

O Estádio Pedro Amorim Duarte localiza-se no município baiano de Senhor do Bonfim e possui capacidade para 5.000 espectadores. O Ipitanga apartir de 2009 passou a mandar seus jogos nesse estádio, que antes abrigava apenas partidas de caráter amador.

Hino

Autor: Paulo Vaqueiro
Bote fé Não vim pra ser mais um Encaro qualquer um Nasci um campeão Laranja é a cor da fera E o grito da galera tem mais vibração Esporte Clube Ipitanga é futebol, é gana É mais coração E quando entra em campo Estou feliz e canto toda essa energia (Refrão) E tome bola na rede É gol do Ipitanga! Tucano mania E tome bola na rede É gol do Ipitanga, é só alegria Eu visto essa camisa Com muito orgulho Com muita emoção Eu vou gritar seu nome Em qualquer estádio, em qualquer nação E quando estou em campo Estou feliz e canto toda essa energia (Refrão) E tome bola na rede É gol do Ipitanga! Tucano mania E tome bola na rede É gol do Ipitanga, é só alegria



Mascote

O Tucano representa o mascote do Ipitanga.

Site

http://www.esporteclubeipitanga.com.br