terça-feira, 31 de março de 2009

Sumaré Atlético Clube

De 1977 a 1982, o Esporte Clube Sumaré representou a cidade nos campeonatos profissionais organizados pela Federação Paulista de Futebol. Porém, sua breve existência deixou um vazio na cidade, habituada a contar com times competitivos, principalmente nas categorias amadoras.

Somente em 2001, o município voltou a ser representado. A Ponte Preta procurou uma sede para mandar seus jogos com a equipe B e encontrou na prefeitura de Sumaré um parceiro perfeito, nascendo a Ponte Preta Sumaré Futebol Clube. Com esse nome, foi vice-campeão da Série B3 em 2002, conquistando o acesso à Série B2 do ano seguinte.
Porém, com o final do acordo entre o clube campineiro e a cidade, o time deixou de existir e, assim, o município não teve qualquer representante no ano de 2003.
Nos anos de 2004 e 2005, um clube voltou a ostentar o nome da cidade. O Clube Atlético Guarani Sumareense, uma tradicional equipe amadora de Sumaré, se profissionalizou para disputar o Campeonato Paulista, mas novamente teve vida curta, participando de apenas duas edições do estadual, sem grande sucesso.

Finalmente, no dia 09 de dezembro de 2005, nasceu o Sumaré Atlético Clube, com a missão de representar o futebol da cidade e com um nome que fosse representativo ao município. No ano seguinte, disputou pela primeira vez uma competição da Federação Paulista de Futebol, o Campeonato Paulista da Segunda Divisão, competição que também esteve inscrito em 2007.
Em 2009, o time vai para sua quarta disputa do Campeonato Paulista da Série B, querendo apagar a péssima campanha de 2008, quando time marcou apenas 1 ponto na competição. A equipe só não foi a de pior campanha pois União Suzano, Flamengo (Pirajuí) e Comercial de Registro foram punidos pela Federação e terminaram o torneio com pontuação negativa. Apesar da má campanha, 18 atletas permanecem no elenco para esse ano. Como todo time considerado pequeno do estado, o clube busca parcerias para levantar fundos para contratar jogadores mais experientes. O time será mais uma vez comandado pelo técnico Adriano Góes, conhecido como Tuca, que dirigiu o time sub20 no Campeonato Paulista da categoria. A estréia será no dia 19 de abril, fora de casa, contra o Guaçuano.

Estádio


Capacidade
5.007 lugares
*A capacidade do estádio rege conforme liberação dos órgãos de segurança

Inauguração 31/03/1976

Primeiro Jogo Seleção de Sumaré 1 x 2 Azes do Passado.

Mascote

Para representar sua mascote foi escolhida a figura do Cavalo, por sua força e beleza e por ser um dos grandes componentes da economia da região.


Site
http://www.sumareatleticoclube.com.br