segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Calcio Catania SpA

O Catania é um time da região da Sicília e foi fundado em 1908 com o nome Associazione Sportiva Pro Patria. Em 1910, a denominação mudou para Unione Sportiva Catanese. A primeira disputa de um campeonato oficial só foi ocorrer em 1920, quando o time participou da única edição da Coppa Federale Siciliana.
A equipe se limitava a jogar torneios regionais. Em 1929, o clube se inscreveu pela primeira vez em um campeonato nacional com o nome de Società Sportiva Catania. A equipe já vestia as cores azul e vermelho e tinha como mascote o Elefante. A primeira participação na Série B aconteceu na temporada 1934/35. Em 1936, uma nova fundação e denominação: Associazone Calcio Catania.
Em 1938, o clube começou a mandar seus jogos no atual Estádio Angelo Massimino. Em 1938/39, o time conquistou o acesso à Série B, mas caiu novamente na temporada seguinte. Depois foi fundado dois clubes: Virtus e Catanese. Os dois clubes se juntaram e formaram o Club Calcio Catania.
Após três anos na Série C, a equipe conseguiu a promoção para a Série B ao término da temporada 1948/49. Em 1952/53, o time esteve perto de subir para a Série A, mas foi derrotado pelo Legnano no último jogo. Na temporada seguinte, o Catania conseguiu chegar à máxima divisão do futebol italiano.
Sua primeira aventura na Série A não foi tão ruim: terminou a competição em 12º lugar. No entanto, o time foi rebaixado por causa de problemas financeiros. Entre 1960 e 1966, o Catania esteve presente na principal divisão do calcio. O Catania seguiu sempre brigando entre as duas divisões. Em 1973/74, porém, o clube voltou a disputar a Série C e só subiu novamente em 1979/78.
Em 1982/83, o clube retornou à Série A após uma temporada sofrível. O time ficou em terceiro lugar e teria que disputar um playoff. No jogo contra a Cremonese, em casa, cerca de 40 mil pessoas “invadiram” o estádio para acompanhar a partida. Um jogo histórico para o Catania.
Mas o clube decaiu e voltou a disputar a Série C em 1987/88.
Em 1993, o Catania foi expulso do futebol italiano por causa de irregularidades financeiras. Após uma longa batalha judicial, a Justiça anulou a decisão e forçou a FIGC a incluir a equipe novamente no futebol nacional. O Catania retornou para Eccellenza, espécie de sexta divisão.
Em 2002, o clube conseguiu uma promoção para a Série B. No ano seguinte, o Catania foi o centro de uma polêmica decisão que ampliou o número de equipes na Série B de 20 para 24. A equipe reclamara os pontos de um empate de 1 a 1 contra o Siena, por esta agremiação ter usado um jogador irregular naquela partida. Os dois pontos-extras manteriam o Catania na Série B. Caso fosse mantido o resultado, o clube amargaria a Série C.
Após várias decisões a favor e contra o clube, a FIGC decidiu deixar o Catania na Série B, juntamente com os rebaixados Genoa e Salernitana e ainda incluiu a recém-fundada Fiorentina. A temporada 2003-04 foi disputada por 24 clubes.
Alguns clubes protestaram contra a decisão e ameaçaram boicotar os jogos do Catania. Na temporada seguinte, o número de clubes diminuiu para 22, ao mesmo tempo que a Série A expandiu de 18 para 20 times.

Em 2004, o clube passou a ser administrado por Antonino Pulvirenti. Com ele, o time rossazzurri voltou à Série A após 23 anos e conseguiu se manter até hoje. Em 2007/08, a diretoria renovou o elenco e conseguiu surpreendentes resultados. A equipe chegou longe na Copa da Itália.
Eliminou Triestina, Milan e Udinese e chegou até as semifinais pela primeira vez na sua história, mas foi eliminado pela Roma. O técnico Walter Zenga chegou ao time e mudou o padrão de jogo. O ex-goleiro salvou a equipe do rebaixamento na última rodada ao bater a Roma na Sicília.
Em 2008/09, Zenga continuou dando um bom ritmo de jogo para sua equipe. O clube não esteve ameaçado pelo rebaixamento e chegou até beliscar uma vaga na Copa da Uefa na metade da competição. No fim da temporada, Zenga deu adeus ao clube e foi para o rival Palermo.

Estádio

Angelo Massimino (previamente conhecido como Stadio Cibali) é um estádio multi-uso localizado em Catania, Itália. Ele é atualmente mais usado para partidas de futebol, é a casa do Calcio Catania. O estádio foi construído em 1937 e tem capacidade para 23.420 espectadores.

Apelido:Rossazzurri (rosa-e-azuis) e Gli Elefanti (os elefantes)






Mascote

Na década de 1940, o Catania se fundiu com um clube chamado Elefante Catania. Este elefante também está no escudo do time siciliano e é a mascote da equipe.




Site
http://www.calciocatania.it/