quinta-feira, 30 de abril de 2009

Esporte Clube Poções

O Esporte Clube Poções é um clube jovem, fundado em 1985, mas já construiu uma incrível jornada no campeonato baiano, além de revelar bons jogadores. A agremiação, proveniente da cidade de Poções, costuma incomodar os grandes do estado - Bahia e Vitória.

Suas cores são o branco, azul e o vermelho, o que faz a equipe ser chamada de tricolor do sudeste. O seu acesso ocorreu em 1993, quando conquistou o campeonato da segunda divisão estadual baiana, fazendo a alegria dos aproximadamente 44.000 habitantes da cidade.
Ter alcançado a segunda divisão da competição com apenas 14 anos de existência foi um grande feito da agremiação. Seus jogadores são lembrados até hoje, porém o clube ainda carrega o estigma de chegar perto e morrer na praia na hora de levantar o caneco. Em disputas, mesmo que equilibradas, o clube não tem conseguido levar a melhor.

Seu maior feito foi em 1999, quando alcançou o vice-campeonato estadual, no ano em que Bahia e Vitória dividiram o título após batalha judicial. Somente em 2005 a Federação Baiana de Futebol decretou os dois times como campeões. Por conta disso, o Poções automaticamente tornou-se o natural vice-campeão.

Em 2009 o Poções vai defender seu mando de campo do estádio Waldomiro Borges, em Jequié. O estádio tem capacidade para 10 mil espectadores.

Títulos

Campeão da Segunda Divisão Baiana 1993

Estádio
  • Estádio Heraldo Curvelo

  • Capacidade 8.000

Seu estádio, o Heraldo Curvelo (Heraldão) é tido como um dos alçapões do interior baiano, sendo creditado a ele parte do sucesso do “tricolor do sudoeste” nos últimos quatro anos – especialmente em 95, quando ficou em terceiro na classificação geral, repetindo a dose em 96. Além de uma boa formação, o Poções possui uma boa sede, instalada no centro da cidade, com área de lazer, alojamentos com banheiros privativos e amplo espaço para os atletas.

Mascote

Raposa do Agreste











Site

http://www.esporteclubepocoes.com.br/