terça-feira, 10 de maio de 2011

Club Social Deportivo y Cultural Juan Aurich de la Victoria

O Juan Aurich é um clube de futebol, da cidade de Chiclayo, no Departamento de Lambayeque no Peru. Foi fundado em 3 de setembro de 1922 e joga atualmente a primeira divisão do Campeonato Peruano de Futebol.
Em 3 de setembro de 1922, na Fazenda de Batangrande, um grupo de trabalhadores formaram uma equipe de futebol para representar a fazenda. O nome "Juan Aurich" era uma homenagem ao dono da fazenda. Em 1933, o clube conseguiu pela primeira vez o título de campeão da cidade de Chiclayo. O treinador era o uruguaio Jorge Domenech.
Em 1945, a equipe retirou-se da liga, mas em 1952 Don Guillermo Aurich Bonilla decidiu formar uma nova equipe que pudesse participar dos campeonatos nacionais que se realizavam nessa época.
Em 5 de julho de 1953, ocorreu uma tragédia que deixou o esporte peruano de luto: o ônibus em que a equipe retornava de um amistoso em Trujillo invadiu a linha férrea e foi atingido por um trem. O violento choque causou a morte de 22 pessoas, incluindo jogadores, familiares e torcedores.
No ano de 1967, após terminar em terceiro lugar na Copa Peru, foi convidado a participar do Campeonato Descentralizado. No ano seguinte conquistou o vice-campeonato peruano e classificou-se para a Copa Libertadores da América, tornando-se a primeira equipe fora da capital a participar desse torneio.
Após manter-se por muito anos na divisão principal, foi rebaixado em 1983. Entre 1988 e 1991, participou apenas de torneios regionais.
Em 1993, fundiu-se com o Deportivo Cañaña, formando o Club Aurich-Cañaña, que alcançou o título da Copa Peru e o ingresso ao futebol profissional, no qual se manteve até 1996. Terminada a fusão, o Club Juan Aurich volta a disputar novamente a Copa Peru e leva o título em 1997. Dessa vez, permaneceu na primeira divisão até o ano de 2002.
No início de novembro de 2004, apresenta uma oportunidade para reviver o desaparecido Club Juan Aurich Chiclayo. Naqueles dias, o Social Club Deportivo Mariscal Nieto-participante da equipe na Primeira Divisão de Chiclayo estava sem rumo, sem líderes ou jogadores que se ofereceu para assumir a instituição. Considerando que foi a única oportunidade é quando o Sr. Juan Merino acompanhado por seus amigos mais próximos e família decidiu "adotar" este clube e fazer o novo Juan Aurich.
Em 28 de janeiro de 2005, o clube renasceu, desta vez sob o nome de Juan Aurich de la Victoria. Este novo nome veio a deixar para trás os obstáculos jurídicos e estatutos registros públicos, bem como na Federação de Futebol do Peru. Em 22 de dezembro de 2007, o novo Juan Aurich, conhecido como o
ciclone do Norte  voltou a primeira divisão após vencer nos pênaltis 5x3 em  Sport Águila, pelas mãos do "Pepa" Horacio Baldessari.
O Campeonato Descentralizado de 2009, durante os primeiros 30 datas seria um candidato para o título nacional, mas as brigas entre a direcção e comando técnico causou a demissão de Franco Navarro.  assumiria, então, como o técnico Luis Fernando Suarez, mas os resultados não seria a mesma de antes. A equipe se esforçou para se adaptar ao seu novo estilo de jogo que pretendia estabelecer o novo treinador.  No entanto, a equipe terminou em terceiro lugar geral nos primeiros nove anos, com 74 pontos, conseguindo qualificar-se para a Copa Libertadores de 2010.
Neste torneio, derrotou Tecos UAG na primeira fase, fazer a chamada para passar a fase de grupos. A vitória de Juan Aurich 1 x 2 foi a primeira equipe peruana em solo mexicano.


Estádio

O Estádio Elías Aguirre é um estádio localizado na cidade de Chiclayo, no Peru.
Inaugurado em 1970, podia receber até 20.000 pessoas. Porém foi ampliado para receber a Copa América 2004, tendo capacidade ampliada para 25.000 torcedores.
É a casa do clube de futebol Club Juan Aurich de la Victoria. Em 2005, foi uma das sedes do Campeonato Mundial de Futebol Sub-17.

Apelido El Ciclón del Norte

Site
http://www.juanaurich.net/