domingo, 17 de agosto de 2008

Associação Recreativa Desportiva e Cultural Icasa


Fundado em 1º da Maio de 1963 pelo industrial José Feijó de Sá, o Icasa que recebeu o nome da empresa do ramo de algodão “A Icasa” (Indústria e Comércio de Algodão S/A) . Levando na camisa a cor verde da folha de algodão e no calção o branco da pluma, surpreendia os juazeirenses como agremiação para a prática de futebol.

Logo em seu primeiro ano de existência, a equipe de futebol conquistava brilhantemente o campeonato local. Era um sintoma claro de que o Icasa vinha disposto a quebrar a hegemonia até então em poder do seu co-irmão, o Guarani, conquistando assim uma grande legião de torcedores. No ano seguinte, em 1964, o alvi-verde do Cariri conquistava o vice-campeonato e também o título de campeão do torneio comemorativo do Centenário da Cidade de Missão Velha.
O Icasa, mostrando toda sua potência, tornava-se Octacampeão Juazeirense ininterrupto nos seguintes anos:

• Campeão Municipal em 1965;
• Bicampeão Municipal em 1966;
• Tricampeão Municipal em 1967;
• Tetracampeão Municipal em 1968;
• Pentacampeão Municipal em 1969;
• Hexacampeão Municipal em 1970;
• Heptacampeão Municipal em 1971;
• Octacampeão Municipal em 1972;

Diante da Máquina de Vitórias, a grande torcida Icasiana via sua amada agremiação a cada final de campeonato arrebatar com galhardia o título máximo da terra do Padre Cícero. Mas a grandeza do Icasa não poderia ficar restrita ao Cariri.
O público de Fortaleza, Sobral e Quixadá, também estava desejoso de ver em ação o famoso esquadrão juazeirense que já se projetara além de fronteiras.
Eis que em dezembro de 1972 a grande e agradável notícia:
o Icasa filiava-se à Federação Cearense de Futebol, e a partir do ano de 1973 iniciava sua participação no Campeonato Cearense, mostrando sua força e hegemonia. Após várias tentativas de dirigentes locais, eis que surge Zacarias Silva, desportista ambicioso, e visionário que acreditou e consegui colocar o Icasa no cenário nacional como time de vitórias. Dentre os títulos conseguidos pelo Icasa nos últimos anos, destacamos os excelentes feitos:

• Campeão Cearense, 1992 sob a direção de Francisco Leite Bezerra;
• Vice-Campeão 1993 sob a direção de Kleber Lavor;
• Campeão Cearense 1º Turno 1995 sob a direção de Zacarias Silva;
• Vice-Campeão Cearense, 1995 sob a direção de Zacarias Silva;

Era Cruel


Por motivo de força maior o então presidente Zacarias Silva, afasta-se do Icasa no ano de 1996, e para tristeza de toda família icasiana em seguida o Verdão do Cariri, estaria sendo substituído pelo então, Juazeiro Empreendimentos Esportivos Ltda.

O Juazeiro empreendimentos foi criado no final de 1998 para substituir o Icasa, mudando para o nome acima citado devido a uma ação trabalhista movida por um antigo atleta, sendo que o mesmo pedia 30 mil reais de indenização. Este motivo não convenceu a torcida e na época muita gente do esporte foi contra, mas como não apareceu nenhum benemérito para ajudar o verdão como o mesmo é chamado pela sua torcida o presidente da época Kleber Lavor efetuou a mudança. O Juazeiro disputou os campeonatos de 1999,2000 e2001,tendo obtido sucesso apenas no ano de 99 devido ter aproveitado a base do Icasa. Só que o público não comparecia mais aos jogos como nos anos alviverdes. O presidente Lavor perdeu respaldo e a justiça acabou passando a divida do Icasa para o Juazeiro.

O ex-dirigente Zacarias Silva, realizou pesquisas junto à UECE, e ficou constatado a aprovação de 90% da população pelo retorno do verdão. Agora só restava a aprovação do conselho deliberativo e a Federação Cearense de Futebol. O empresário e ex-dirigente Zacarias Silva, logo procurou articular-se com a federação e os clubes filiados e conseguiu por unanimidade reintegrar o Verdão do Cariri no cenário esportivo estadual, ingressando na segunda divisão.

Em 2001, o ex-dirigente Zacarias Silva fora procurado por torcedores, empresários, forças políticas e imprensa regional para tentar ressuscitar o atual e tão querido Verdão do Cariri , sendo que a divida foi parcelada e apareceram beneméritos que parcelaram a divida em 8000 reais e recolocaram o Icasa no estadual profissional da segundona como exige a federação do nosso estado. Agora, não mais Icasa Esporte Clube, e sim, Associação Recreativa Desportiva e Cultural (Icasa). A associação Icasa, foi fundada por Zacarias Silva de Souza em 07 de janeiro de 2002 e o Juazeiro Empreendimentos extinto. Na estréia o verdão após 3 anos afastado estreou no estádio O ROMEIRÃO com um público de 3000 pagantes ( o estádio comporta cerca de 20000). Em 2003, venceu a segunda divisão e retornou ao convívio dos grandes clubes cearenses.

Era dos sonhos "Projeto 10 anos"

O então dirigente Zacarias Silva, lançou o “Projeto 10 anos”, com objetivos ambiciosos e futurísticos, tais como:
- Conquista do título da segunda divisão.
- Conquista do título da primeira divisão.
- Participação na série C do brasileirão.
- Participação na série B do brasileirão.
- Participação na Copa do Brasil.
- Projeto social com garotos da região no incentivo ao esporte.
- Construção do Praxedão.

O dirigente Zacarias Silva, conduziu o Icasa de 2002 à 2006. Em 2003 realizou a primeira conquista, Campeão Cearense da segunda divisão, com duas rodadas de antecipação. Em 1995 conquista 1º Turno do campeonato cearense. No mesmo ano, sagrou-se vice-campeão, pleiteando a vaga na série “C” para 2005 e Copa do Brasil para 2006.

Em 2006, o Verdão do Cariri, mesmo perseguido pelo sistema administrativo da Federação junto aos clubes da capital, continuou a seqüência de vitórias e sucesso, ficando em terceiro lugar conquistando a vaga para a série “C”, custeado pela CBF. Ao terminar o campeonato estadual, como já havia anunciado, o dirigente Zacarias Silva, cumprindo seu mandato, afasta-se da diretoria, autodenominando-se apenas torcedor de honra, passando a responsabilidade para os dirigentes, Luis Pereira Filho e Kleber Lavor, a quem acredita serem os mais preparados desportistas para continuarem com sucesso o Projeto 10 anos.

O torcedor de honra Zacarias Silva, promete construir com apoio do torcedor, municipalidade e empresários e entregar a diretoria do Icasa, o tão sonhado Centro de Treinamentos do Verdão do Cariri (Praxedão) no final de 2007. As obras foram iniciadas em agosto de 2006. O Praxedão terá capacidade para 5 mil pessoas, está localizado em área nobre de Juazeiro, na Lagoa Seca, e será utilizado pelas categorias de base, bem como pelo time principal.

O Escudo

O Escudo foi criado em 1963 na fundação do time, e nele acrescentado somente as estrelas referentes aos títulos. O modelo em 3d foi modelado em 2006 para dar mais vida a peça que apresenta em seu formato aspectos de uma engrenagem.

Mascote

O Mascote foi criado recentemente, exatamente em 2003 após a conquista da 2º Divisão do time.






HINO DO CLUBE
(
Letra: Luis Fidélis)

O verde vale do cariri, é a bandeira do nosso esquadrão.
Desfraudada sobre a maior torcida,
Nossa só corrente de Mão em mão.(bis)

Meu padim nos gramados do céu,
é mais um craque a orar meu Verdão,
a fé nos conduz a vitória,
Icasa eterno campeão.

Ê, ê, ê, ô icasa (bis)

Temos forças pra lutar (utererê)
Icasa estamos do teu lado (utererê)
Não importa o resultado (utererê)
O que importa é te amar.

Vamos jogar para vencer, (utererê)
Não temos nada a temer (utererê)
Icasa estamos aí, és a paixão do meu cariri.

site : http://www.icasafc.com/